Site Network: Home | Tendências Urbanas | Snack in Box | INK_Designers | Nova Mídia | Greener City |

Post pago ou post patrocinado?

Na última 6a-feira o "Nerdcast: Anatomia dos serial killers" foi "patrocinado" pela FX para divulgar o início da 2a temporada da série Dexter no Brasil.
Não gostei deste episódio do Nerdcast, o que efetivamente não significa muito, não foi o primeiro e certamente não será o último Nerdcast com o qual não me divirto.

jovem nerd, podcast, nerdcast, anatomia dos serial killers
Achei o Nerdcast artificial, organizado demais, e o pior, faltaram boas piadas, faltou diversão.
Por isso comecei a me perguntar, mais uma vez, sobre a prática do post pago, ou podcast pago.
Daí que me ocorreu diferenciar post pago e post patrocinado, e a diferença, em verdade, me pareceu bastante evidente.
Há algum tempo postei aqui no Nova Mídia - Novo Marketing um "agradecimento" a Volkswagen ("Melhor que geladeira USB") por ter patrocinado um evento no qual tive imenso prazer em ir.
Naquela ocasião a VW não alterou ou ditou o conteúdo da apresentação da OSESP, sua participação limitava-se a um logotipo no palco além de um rápido e simpático agradecimento inicial por parte do maestro John Neschling. A VW, enfim, patrocinou um ótimo evento e teve a chance de ter sua marca associada a este evento.
Agora imaginem se a VW tivesse "pagado" por esse evento, ou seja, tivesse ditado diretrizes (forma) e selecionado o repertório (conteúdo). Certamente a marca teria ainda mais "destaque", por outro lado, a qualidade do evento teria sido, muito provavelmente, bastante inferior e eu não teria criado um post de "agradecimento" a VW, mas um post falando do fiasco do evento e as lembranças em relação a VW seriam bastante negativas, provavelmente eu me sentiria enganado, algo do tipo "fui para ver um concerto e acabei vendo um comercial".
De forma bastante sintética, a diferença que procuro estabelecer é a seguinte: um post patrocinado seria aquele no qual a marca quer dar destaque e se associar a um conteúdo relevante, interessante e de qualidade. No post pago, ao contrário, trata-se de criar conteúdo para que ele passe a se associar a marca. Post pago e post patrocinado são, portanto, processos inversos.
Não quero dizer com isso que um post pago não pode ser de qualidade e interesse, e nem que um post patrocinado será de interessante e de qualidade, mas afirmo sim que, desconfio de post pago e tendo a confiar em um post patrocinado. O post patrocinado é isento, verdadeiro, sincero. O post pago é artificial, afetado, dirigido. O post patrocinado é a conversa entre amigos. O post pago é publicidade.
E quem, afinal, gosta de publicidade?

PS. 1: acho o Nerdcast ótimo, afinal o posdcast do Jovem Nerd é O MELHOR PODCAST DO MUNDO!!!

PS. 2: talvez eu escreva um post sobre a série Dexter e este post bem que poderia ser patrocinado. "Ei FX!" ;-)

E você, o que pensa sobre posts pagos e posts patrocinados? Eles também são diferentes para você? Deixe sua opinião nos comentários.



Acompanhe o Nova Mídia no Twitter e assine nosso RSS / e-mail

7 comentários:

At 14 de outubro de 2008 23:20 Tiago Moralles said...

O P.S. 2 foi bom hehe.
Boa sacada.

 
At 15 de outubro de 2008 17:04 Rafael Amaral said...

Intrigante.

Agora vem cá, se tratando de blogs, se post patrocinado é isento, verdadeiro e sincero,deveria acontecer naturalmente e sem motivação financeira. Concorda?

Aí entra o trabalho de PR.

 
At 15 de outubro de 2008 17:09 Rodrigo Alexandre Coelho said...

Tiago, tomara que outros também achem a idéia do "PS. 2" boa também. ehehe

At 15 de outubro de 2008 17:19 Rodrigo Alexandre Coelho said...

Rafael,
concordo com sua observação, mas meu ponto é justamente este. O "post" não tem motivação financeira, mas há o interesse de uma empresa/marca/produto em associar-se ao conteúdo do post, ou seja, o conteúdo vem antes e de forma isenta.
De qualquer forma o que me pergunto agora é se este modelo é efetivamente possível. Talvez possa-se concluir, no final, que o tal "post patrocinado" que estou defendendo é apenas "teoria", o que seria uma pena.

At 19 de outubro de 2008 18:20 Plebe rude said...

apouco tempo atrás fiz um post sobre o case da coca i9 e sobre um livro que recebi para resenhar...
fiz a resenha mas apenas por ser compativel com o projeto do blog...

http://davintedigital.blogspot.com/2008/08/sobre-resenha-posts-pagos-e-outras.html

 
At 28 de outubro de 2008 12:05 Leandro Macedo said...

Essa campanha faz parte de um "viral" para divulgar um site bem maluco chamado “Você Aguenta?“. O site conta com cenas chocantes para quem tem estômago fraco, induzindo o internauta a descobrir o assassino que existe dentro de si. Umas paradas meio malucas.

E hoje, o NerdCast sendo praticamente o maior do Brasil, foi utilizado para alavancar a campanha, acho que nada de errado nisso : )

 
At 28 de outubro de 2008 12:38 Bárbara Guilherme said...

Não acho q tenha nada de errado, mas sim como é feito!

Eu abordei em um post esse assunto, mas no caso era sobre montar blogs para um produto específico, como o q fizeram para o Sandero Stepway. O que me pega é justamente isso ser artificial... Se tivessem feito com blogueiros de verdade e vídeos caseiros talvez tivesse ficado mais realístico.

E tbm tem o case do Bis q foi, ao meu ver, um fiasco total...

 

Postar um comentário


BlogBlogs.Com.Br